O novo olhar no novo mundo do trabalho

26 de agosto de 2020 0 comentários
blog-item1

A pandemia chegou, foi tomando conta, quebrou muitos paradigmas e provocou mudanças profundas no comportamento das pessoas no âmbito pessoal, profissional, familiar e social.

A possibilidade do processo de autoconhecimento ampliou a consciência e despertou necessidade de rever a escala de valores e viver a vida intensamente em todos os seus aspectos.

As pessoas tiveram a oportunidade de resgatar e valorizar aspectos adormecidos como vida em família, convivência com os filhos, acompanhamento das tarefas escolares, atividades lúdicas, afazeres da casa, troca dos acontecimentos do trabalho em casa, atenção aos amigos, familiares, enfim uma vida acontecendo como deve acontecer, num fluxo natural.

O mundo sem fronteiras foi possibilitado pelas ferramentas tecnológicas, houve a socialização e expansão do conhecimento através das reuniões, palestras, aulas online, lives, assim como, a redução de custos, de tempo, ampliação e agilidade dos negócios.

Vários projetos tiveram seus processos acelerados e muitas categorias profissionais tiveram ascendência na escala de valores frente as novas necessidades como por exemplo os profissionais da saúde, bem-estar físico e emocional (psicólogos, psiquiatras e terapeutas de práticas integrativas), motoboys e motoristas que acabaram tornando-se essenciais.

Um caminho criado por circunstancias, que proporcionou o aproveitamento integral das potencialidades dos indivíduos e uma atitude de abertura para a criação de novos conceitos, atitudes e propósitos. Caminho este que deverá ficar e integrará um ser humano novo, num mundo novo, num mundo do trabalho novo.

Haverá, portanto, maior necessidade de compreensão entre as pessoas, mas valerá a pena porque levará a todos a solidariedade e a cooperação e de um grande mergulho nas questões digitais para que os planejamentos tenham por base a inteligência dos dados, dos negócios e do mercado e suas ações se concretizem com êxito.

As empresas deverão cuidar e oferecer aos seus colaboradores serviços prestados por profissionais da saúde e bem-estar com o objetivo de minimizar ao máximo as doenças do século como a depressão e a ansiedade para manter clima de trabalho harmônico e a produtividade assegurada.

Os profissionais prósperos serão aqueles que pensam fora da caixa, tem maturidade emocional, iniciativa, capacidade de reinventar e flexibilidade cognitiva.

O espirito empreendedor persistirá com sucesso em todas as áreas da vida!